News

Projeto SOCLIMPACT concluiu três anos de trabalho com a organização da Primeira Cimeira das Ilhas Europeias sobre as Alterações Climáticas

8/04/2021. Texto adaptado do comunicado oficial do projeto por Marta Daniela Santos.

O projeto europeu SOCLIMPACT H2020, do qual o cE3c é parceiro, assinalou o seu encerramento organizando a Primeira Cimeira das Ilhas Europeias sobre as Alterações Climáticas, que teve lugar a 23 de março de 2021.

A Primeira Cimeira das Ilhas Europeias sobre as Alterações Climáticas representou o culminar de 40 meses de trabalho intensivo da equipa do projeto europeu SOCLIMPACT – um consórcio formado por 24 instituições de diferentes naturezas e especialidades, entre elas o Centro de Ecologia, Evolução e Alterações Ambientais – cE3c, através da Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa.

Esta Cimeira representou o mais importante evento organizado pelo projeto, tendo reunido académicos, representantes de alto-nível das 12 ilhas e regiões ultraperiféricas da União Europeia, e membros do painel da Comissão Europeia para analisar os benefícios conjuntos e percurso de adaptação no tempo para construir arquipélagos mais resilientes. A Cimeira teve como objetivo envolver os vários intervenientes na utilização sustentável do conhecimento gerado pelo projeto e na sua aplicação na reformulação no desenvolvimento de políticas e pode ser visto na totalidade aqui.

“Algo que esteve presente ao longo dos cerca de três anos do projeto SOCLIMPACT foi que todo o trabalho que realizámos só pode ser realmente útil se envolvermos os decisores políticos – é através deles que se torna possível aplicar e utilizar de forma correta o conhecimento que construímos neste projeto, onde desenvolvemos ferramentas e informação de qualidade que lhes permita prevenir, adaptar ou mitigar of efeitos das alterações climáticas nos territórios ilha”, explica Hugo Costa, líder da equipa do cE3c que faz parte do projeto, e da qual fazem parte também Ricardo Encarnação Coelho, Tiago Capela Lourenço, Andreia Sousa e Rob Swart .

Um dos temas quentes de discussão foi o Sistema de Intercâmbio de Informações Regional (Regional Exchange Information System, REIS, em inglês) e a Ferramenta de Apoio à Adaptação para Ilhas (Adaptation Support Tool for Islands), um serviço climático desenvolvido pelo projeto SOCLIMPACT que visa facilitar o trabalho em rede, não apenas no apoio ao desenvolvimento de políticas de adaptação regional, mas também para promover a integração dos resultados da adaptação na Estratégia de Adaptação da União Europeia. A plataforma REIS oferece assim uma grande oportunidade para todas as ilhas e arquipélagos discutirem intensamente e estabelecerem uma referência para Adaptação e Crescimento Azul.

A equipa do projeto pretende que esta Cimeira seja a primeira de várias reuniões anuais que serão realizadas no futuro no sentido de continuar a unir esforços para combater os impactos das alterações climáticas nas ilhas europeias e no resto do mundo.

Other Articles

  • Genotype to Phenotype  of the Immune Response

    Conference Genotype to Phenotype of the Immune Response

  • Assessing the wider implications of species extinctions: island birds and beyond

    Conference Assessing the wider implications of species extinctions: island birds and beyond

  • Citizen science “biodiversity apps” and connection to nature

    Conference Citizen science “biodiversity apps” and connection to nature

  • Monitoring for Resilient Forests - Needs, Gaps, and Way Ahead

    Conference Monitoring for Resilient Forests - Needs, Gaps, and Way Ahead

  • Sexual selection in plants: what happens after pollen land on the pistil?

    Conference Sexual selection in plants: what happens after pollen land on the pistil?