News

O cE3c na Noite Europeia dos Investigadores 2018


Photos Gallery

24/09/2018 (atualizado a 2/10/2018). Texto de Marta Daniela Santos.

Na passada sexta-feira, 28 de setembro, a ciência saiu à rua um pouco por todo o país na celebração de mais uma Noite Europeia dos Investigadores - e o cE3c marcou presença em Lisboa, no evento organizado pelo Museu Nacional de História Natural e da Ciência (MUHNAC), como parceiro de uma atividade organizada pela Sociedade Portuguesa de Entomologia (SPEN)

O cE3c-FCUL foi parceiro da atividade Natura non grata - O estranho caso da processionária do pinheiro”, organizada pela Sociedade Portuguesa de Entomologia (SPEN) para a edição deste ano da Noite Europeia dos Investigadores: uma entre as dezenas de atividades científicas que tiveram lugar no Museu Nacional de História Natural e da Ciência (MUHNAC) e no Jardim do Príncipe Real entre as 18h00 e as 00h00 da passada sexta-feira, 28 de setembro.

Nesta atividade, em forma de jogo, as investigadoras Carla Rego (IBBC-cE3c/Grupo de Biodiversidade dos Açores), Sofia Seabra (Cobig2-cE3c), Sónia Duarte (IERS-cE3c) e Andreia Valente (SPEN) ajudaram a desconstruir a perceção alarmista que frequentemente existe sobre a processionária do pinheiro (Thaumetopoea pityocampa), devida ao relato nos meios de comunicação social das reações alérgicas provocadas pelo contacto com as sedas urticantes das suas lagartas e ao perigo que representam sobretudo para crianças e animais de estimação.

Ciência na Cidade é o tema das atividades da Noite Europeia dos Investigadores para o biénio 2018-2019, num consórcio que em Portugal é coordenado pela Universidade de Lisboa através do MUHNAC-ULisboa e que conta com a Escola de Ciências da Universidade do Minho, a Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade de Lisboa, a Universidade de Évora e o Instituto Universitário de Lisboa como parceiros.

A Noite Europeia dos Investigadores é uma iniciativa dinamizada anualmente desde 2005, na última sexta-feira de setembro, financiada pela Comissão Europeia, com o objetivo de aproximar investigadores e cidadãos e aumentar a sensibilização para as atividades de investigação científica e inovação. Até 2017, cerca de 1,1 milhões de cidadãos e mais de 21 000 investigadores já estiveram envolvidos a nível europeu nestes eventos.

 

Título da atividade: Natura non grata - O estranho caso da processionária do pinheiro”

Organização: Sociedade Portuguesa de Entomologia (SPEN), com cE3c-FCUL e Apis Domus como entidades parceiras.

Resumo: Se há animais que nos provocam reações instintivas fortes, outros há cuja perceção se encontra fortemente marcada pela forma como se fala deles. A processionária do pinheiro, Thaumetopoea pityocampa, é um exemplo do último caso.

Nos últimos anos temos assistido, nos meios de comunicação social, a crescentes referências, sempre negativas, relativamente a esta espécie, devido às reações alérgicas provocadas pelo contacto com as sedas urticantes das suas lagartas e ao perigo que representam sobretudo para crianças e animais de estimação.

Esta atividade, em forma de jogo, propõe-se ajudar a desconstruir, cientificamente, o tom alarmista com que o tema é tratado. Assim, participantes de todas as idades serão convidados a conhecer o ciclo de vida da processionária do pinheiro no seu meio natural e de que forma a ação humana tem implicações no mesmo. Propomo-nos demonstrar como as alterações provocadas pelo homem, nomeadamente em ambiente urbano, aumentam a probabilidade de contacto com a fase urticante das lagartas. Paralelamente, exploraremos um ecossistema equilibrado com a presença de predadores, parasitas e acesso fácil a locais de nidificação onde a probabilidade de contacto com o homem e os animais de estimação é reduzida.

Os participantes serão ainda convidados a conhecer as medidas que podem ser implementadas para controlar a espécie e diminuir o contacto com o homem e os animais de estimação.

 

Other Articles

  • Investigadores do cE3c integram novo grupo IUCN de Especialistas em Plantas da Macaronésia

    Others Investigadores do cE3c integram novo grupo IUCN de Especialistas em Plantas da Macaronésia

  • Estudante de doutoramento do cE3c distinguido em Concurso Anual de Fotografia da Sociedade Britânica de Ecologia

    Others Estudante de doutoramento do cE3c distinguido em Concurso Anual de Fotografia da Sociedade Britânica de Ecologia

  • Concurso de fotografia, do qual o cE3c é patrocinador, dá origem a exposição no MUHNAC

    Others Concurso de fotografia, do qual o cE3c é patrocinador, dá origem a exposição no MUHNAC

  • Cristina Máguas, Coordenadora do cE3c, eleita Presidente da Federação Europeia de Ecologia

    Others Cristina Máguas, Coordenadora do cE3c, eleita Presidente da Federação Europeia de Ecologia

  • Dois investigadores do cE3c distinguidos com o Prémio de Doutoramento em Ecologia Fundação Amadeu Dias 2018

    Others Dois investigadores do cE3c distinguidos com o Prémio de Doutoramento em Ecologia Fundação Amadeu Dias 2018