News

Reunião final de apresentação de resultados do projeto COLOSSUS

Download:

A reunião final de apresentação de resultados do projeto COLOSSUS decorre na próxima sexta-feira, 20 de janeiro de 2023, na Sala de Atos (6.2.56) da Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa.

As incrições decorrem até 18 de janeiro, quarta-feira, por formulário disponível aqui.

PROGRAMA

09h00 - Receção aos convidados e participantes

09h15 - Sessão de abertura

Luís Carriço, Diretor da Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa
Mónica V. Cunha, Coordenadora do projeto COLOSSUS, cE3c - Centro de Ecologia, Evolução e Alterações Ambientais,Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa*

09h30 - Ciclo de apresentações I

  • Progresso no programa de erradicação da tuberculose animal em Portugal
    Yolanda Vaz, Direção-Geral de Alimentação e Veterinária
  • Projeto Colossus: objetivos e metas alcançadas
    Mónica V. Cunha*
  • Acoplar a genómica ao diagnóstico de Mycobacterium bovis: desafios e soluções
    Daniela Pinto, cE3c - Centro de Ecologia, Evolução e Alterações Ambientais
  • Inferência das redes de transmissão multi-hospedeiro na área epidemiológica de risco de tublerculose animal
    André C. Pereira, cE3c - Centro de Ecologia, Evolução e Alterações Ambientais

10h55 - Discussão

11h10 - Intervalo para café

11h30 - Ciclo de apresentações II

  • Quem mantém a tuberculose na Península Ibérica? Caracterização da comunidade multi-hospedeiro e contribuição de cada espécie para a transmissão
    Nuno Santos, Centro de Investigação em Biodiversidade e Recursos Genéticos
  • Avanços na monitorização da contaminação ambiental por Mycobacterium bovis
    Mónica V. Cunha*

12h15 - Discussão

12h20 - Mesa-redonda Tuberculose animal: da investigação à biossegurança e às políticas, com:

Telmo Nunes (Moderação), Faculdade de Medicina Veterinária da Universidade de Lisboa
Susana Pombo, Direção-Geral de Alimentação e Veterinária
Nuno Canada, Instituto Nacional de Investigação Agrária e Veterinária
Nuno Banza, Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas
João Palmeiro, Direção da União das Organizações de Produtores Pecuários
Mónica V. Cunha*

13h15 - Almoço

14h45 - Ciclo de apresentações III

  • Transmissão intraespecífica e interespecífica de Mycobacterium caprae no território nacional e à escala ibérica
    André C. Pereira, cE3c - Centro de Ecologia, Evolução e Alterações Ambientais
  • Avaliação e gestão de risco sanitário na interface animais domésticos-animais selvagens
    Carolina Abrantes, Centro de Ciência Animal e Veterinária, Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro
    Pureza Teixeira, Faculdade de Medicina Veterinária da Universidade de Lisboa
  • Clonal ou essencial: o que nos diz o pangenoma de Mycobacterium bovis?
    Ana C. Reis, cE3c - Centro de Ecologia, Evolução e Alterações Ambientais
  • Assinaturas genómicas de Mycobacterium bovis na adaptação a micronichos em Portugal
    Gonçalo Themudo, cE3c - Centro de Ecologia, Evolução e Alterações Ambientais

16h05 - Discussão

16h45 - Sessão interativa - Necessidades emergentes de investigação em tuberculose animal em Portugal: auscultação de stakeholders
Mónica V. Cunha* (Moderação)

17h30 - Sessão de encerramento

Cristina Máguas, Coordenadora do cE3c - Centro de Ecologia, Evolução e Alterações Ambientais

___________________________________________

A tuberculose animal (TB) é uma das principais causas de perdas da produção pecuária e da rejeição de carcaças em matadouro, em Portugal, sendo um problema (re) emergente de saúde animal, transversal às explorações de bovinos de leite, de carne e reprodutores. Origina um grande impacto económico, restringindo o comércio de animais e produtos deles derivados, e exercendo risco para a saúde pública, devido ao potencial zoonótico do agente etiológico, Mycobacterium bovis. Em Portugal, a prevalência da TB em ungulados silvestres é elevada em determinadas regiões, com risco de expansão da sua distribuição geográfica. A existência de reservatórios selvagens favorece a re-infeção de bovinos, gerando-se um ciclo vicioso de transmissão que diminui a eficácia dos planos de controlo existentes e coloca em causa o investimento de décadas. Estima-se ainda que a resiliência ambiental de Mycobacterium bovis possa ter um papel importante na transmissão indireta, embora se desconheçam os mecanismos subjacentes. 

Foi precisamente este o enquadramento do projeto COLOSSUS (ControlO de tubercuLOSe na interface bovinoS-faUna Silvestre com recurso a soluções inovadoras inspiradas na natureza), onde foi a TB animal foi abordada de forma holística e aplicada, na perspetiva da produção pecuária, segurança alimentar, caça maior, conservação da biodiversidade e saúde pública, através de: 

  1. vigilância genómica de Mycobacterium bovis isolados de diferentes espécies animais e utilização de abordagens filodinâmicas, para reconstruir as cadeias de transmissão e identificar as espécies e as áreas geográficas nas quais devem ser priorizadas as intervenções; 
  2. otimização de algoritmos de diagnóstico e de análise computacional, tendo em vista a implementação de vigilância genómica de rotina;
  3. desenvolvimento de um novo método baseado em citometria de fluxo e sondas de captura para caracterizar a resiliência ambiental e o genoma de Mycobacterium bovis presente no ambiente, permitindo a avaliação do peso desta componente nas cadeias de transmissão indireta;
  4. utilização de abordagens de modelação ecológica para identificar variáveis bióticas/abióticas que impactam na transmissão deste agente. 

Este projeto, vocacionado para dar resposta aos desafios societais, foi conduzido por uma equipa multidisciplinar liderada pela investigadora cE3c Mónica V. Cunha (líder do subgrupo de investigação em Epidemiologia da Paisagem e Doenças da Vida Selvagem) e permitiu a formação de dois alunos de doutoramento. A sua implementação decorreu num diálogo próximo com interlocutores como a Direção-Geral Agrária e Veterinária, o Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas, associações de caçadores, produtores pecuários e cinegéticos.

É precisamente nesta esfera que o projeto COLOSSUS será agora discutido, olhando para aquilo que são as implicações dos seus resultados.


Tags: CSES colossus epidemiology wildlife diseases animal tuberculosis mammals agroecosystem farmland

Other Articles

  • The relevance of the Azores for the European Eel

    Conference The relevance of the Azores for the European Eel

  • Vertical distribution of spider of different colonization origin in Macaronesia native forests

    Conference Vertical distribution of spider of different colonization origin in Macaronesia native forests

  • Antagonistic coevolution across scales: Does the now explain the past?

    Conference Antagonistic coevolution across scales: Does the now explain the past?

  • Encontro Scientia with Sergio Chozas

    Conference Rescuing Botany: using citizen-science and mobile apps in the classroom and beyond

  • What (else) can scientists do to fight the biospheric emergency?

    Conference What (else) can scientists do to fight the biospheric emergency?