News

Comunidade internacional de ecólogos esteve reunida em Lisboa para Congresso da Federação Europeia de Ecologia


Photos Gallery

26/07/2019 - atualizado a 6/08/2019. Texto de Marta Daniela Santos, com base na nota de imprensa oficial do EEF 2019. Fotografias de Vasco Pissarra e Mariana Ramos.

Cerca de 500 investigadores de todo o mundo estiveram reunidos no 15º Congresso da Federação Europeia de Ecologia, que teve lugar entre 29 de julho e 2 de agosto na Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa, em simultâneo com o 18º Encontro Nacional de Ecologia. O programa foi além da partilha entre a comunidade científica, tendo contado com debates e exposições abertas ao público. Foi a primeira vez que este congresso se realizou em Portugal, numa altura em que a Presidência da Federação Europeia de Ecologia está a cargo de Cristina Máguas, Coordenadora do cE3c.

Resumido em números, durante cinco dias intensivos o 15º Congresso da Federação Europeia de Ecologia contou com cerca de 500 participantes de 42 países, de cinco continentes; 347 comunicações orais; mais de 80 posters; 17 oradores convidados, dois debates transdisciplinares e duas excursões inseridas no programa social. Mas este, que foi o primeiro Congresso da Federação Portuguesa de Ecologia a realizar-se em solo português, foi muito além dos números.

Sob o tema “Ecologia além fronteiras - Incorporando a Ecologia nos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável”, o congresso teve por objetivo promover o debate e a interação sobre como integrar a investigação básica e aplicada em Ecologia e os seus impactos em áreas como a sociologia, a política, a saúde ou a economia, para implementar de forma efectiva o Programa de Desenvolvimento Sustentável das Nações Unidas para 2030.

A Ecologia e a Sociedade

Uma das grandes preocupações do congresso foi a abertura e o diálogo com a sociedade. Nesse sentido, o congresso arrancou com um primeiro dia - segunda-feira, 29 de julho - aberto ao público, com uma conferência plenária e debates com personalidades nacionais e internacionais - todos no Grande Auditório da FCUL (Edifício C3, sala 3.2.14).

Às 11h00 teve lugar um debate dedicado à geopolítica das mudanças globais em matéria de ambiente, numa organização conjunta com o Clube de Lisboa. Moderado por Leonídio Paulo Ferreira, do Diário de Notícias, contou com a participação de José Manuel Félix Ribeiro, da Fundação Calouste Gulbenkian, de Helena Freitas, coordenadora da cátedra da UNESCO da Universidade de Coimbra, Miguel Bastos Araújo, Prémio Pessoa 2018, e Bernardo Ivo Cruz, da Sociedade para o Financiamento do Desenvolvimento (SOFID). (Debate em inglês)

Após a Sessão de Abertura do Congresso, que teve início às 14h30 e contou com a intervenção de representantes nacionais e internacionais de diversas instituições, teve lugar às 15h20 a Sessão Plenária “Socio-ecological changes”, por Arjen Evert Jan Wals, investigador da Universidade de Wageningen (Holanda). (Plenária em inglês)

Por último, entre as 16h30 e as 18h00 teve lugar o segundo debate do dia, inserido na ligação entre a Ecologia e os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável. Moderado por José Vítor Malheiros, consultor e comunicador de ciência, teve como intervenientes David Nabarro em representação das Nações Unidas, Humberto Rosa enquanto Director para o Capital Natural da Direcção Geral do Ambiente da Comissão Europeia, Osvaldo Sala, como Presidente da Associação Americana de Ecologia, Arjen Wals, responsável pela cátedra da UNESCO ligada às alterações sócio-ecológicas e Laura Airoldi, como coordenadora regional da Rede Global de Ecossistemas do Mar Mediterrâneo. (Debate em inglês)

Para além do programa científico, o congresso contou também com exposições de arte de sete artistas nacionais e internacionais, em diversos espaços da Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa: Vanessa Barragão, Ricardo Ramos (“Xico Gaivota”) e Carolien Adriaansche nas artes plásticas, Daniel Pinheiro e Evgenia Emets no cinema, e César Garcia e Emanuel Gonçalves enquanto fotógrafos e cientistas.

Premiar a excelência na investigação

No último dia do Congresso teve lugar a cerimónia oficial de entrega do Prémio Ernst Haeckel 2019, pela primeira vez atribuído a um investigador português: Miguel Bastos Araújo, investigador do Museu História Natural do Centro Superior de Investigação Científica e professor convidado e investigador.

Em simultâneo a este Congresso decorreu o Encontro da Sociedade Portuguesa de Ecologia - SPECO, no âmbito do qual também no último dia de Congresso foram entregues os prémios aos três jovens doutorados distinguidos na edição de 2019 do Prémio de Doutoramento em Ecologia Fundação Amadeu Dias, organizado pela SPECO pelo terceiro ano consecutivo. Francisco Pina-Martins e Adrià López-Baucells, investigadores do cE3c, foram distinguidos com o 1º e 2º lugar respetivamente, juntando-se ao leque de investigadores do cE3c já distinguidos em edições anteriores deste prémio. O 3º lugar coube a Inês Gomes, investigadora do Centro de Estudos Ambientais e Marinhos - CESAM (Universidade de Aveiro).

O Congresso Europeu de Ecologia assinala em 2019 a sua 15ª edição, sendo promovido de dois em dois anos pela Federação Europeia de Ecologia, em parceria com a sociedade científica do país que o acolhe. Em Portugal, a organização esteve a cargo da Sociedade Portuguesa de Ecologia, presidida pela investigadora Maria Amélia Martins-Loução (cE3c-FCUL) e da qual fazem parte vários investigadores do cE3c, ativamente envolvidos na organização deste congresso.

Other Articles

  • Mais de uma centena de investigadores reúne-se esta semana em Lisboa para Simpósio de Botânica marcado pela sustentabilidade

    Conference Mais de uma centena de investigadores estiveram reunidos em Lisboa para Simpósio de Botânica marcado pela sustentabilidade

  • Frontiers in E3: um balanço da edição de 2019 do Encontro Anual do cE3c

    Conference Frontiers in E3: um balanço da edição de 2019 do Encontro Anual do cE3c

  • O cE3c no Encontro Ciência 2019

    Conference O cE3c no Encontro Ciência 2019

  • Cerca de 1200 pessoas discutiram adaptação às alterações climáticas na ECCA 2019

    Conference Cerca de 1200 pessoas discutiram a adaptação às alterações climáticas na ECCA 2019

  • Encontro Anual cE3c 2019: Conferências Plenárias abertas ao público a 1 e 2 de julho!

    Conference Encontro Anual cE3c 2019: Conferências Plenárias abertas ao público a 1 e 2 de julho!